fbpx

Olá pessoal, como estão?
Por aqui esta tudo bem, obrigado por perguntar!

Que ano corrido tivemos hein?

Polarização na política, mudanças no cenário nacional, mas algo me diz que vem coisa boa por aí, principalmente na economia.

Enfim, sei que minhas aparições estão cada vez mais raras nesse local, mas ontem (06/12/2018) tivemos uma grande atualização do nosso CMS querido, o WordPress.

E eu fiquei tão animado que resolvi compartilhar com vocês alguns pensamentos aqui neste humilde espaço.

Não será nada muito profundo, mas quero trazer algumas observações pertinentes, já que trabalho com o CMS há tanto tempo.

O WordPress 5.0 e o Gutenberg

Sempre ficamos animados quando uma versão principal do WordPress é atualizada, ou seja, quando saímos da 4.0 para 5.0, e desta vez não foi diferente.

A grande estrela deste lançamento do WordPress é o novo editor de textos, o Gutenberg. 

Quem trabalha profissionalmente com o WordPress já deve estar acostumado, pois o editor foi liberado como um plugin independente meses atrás.

O objetivo desse pré-lançamento era apresentar a comunidade de usuários do WordPress o novo editor e iniciar a depuração de problemas.

E isso foi feito com maestria, fazendo com que o Gutenberg evoluísse rapidamente para um editor de conteúdo muito robusto.

Adotaram um novo conceito de criação de conteúdo, sendo que tudo agora gira em torno dos blocos – vocês ainda irão ler e ouvir muito sobre os famosos blocos.

A ideia é que seja fácil diagramar textos, imagens e inserir mídias externas durante a produção do conteúdo.

Isso por si só já é um grande avanço, considerando o editor antigo do WordPress.

Também tiveram o cuidado de fazer com que a transformação dos conteúdos criados no editor clássico para o Gutenberg fosse fácil.

Ao editar um artigo antigo, você encontrará a opção de converter o conteúdo em blocos e basicamente só precisará de um clique para a mágica acontecer.

A experiência de uso do Gutenberg esta cada vez mais natural e eu aconselho que você atualize seu WordPress em um ambiente de testes primeiro, tendo certeza que seu site não irá quebrar.

Após realizar todos os testes e se acostumar com o novo jeito de publicar conteúdo, desfrute das novas funcionalidades e reporte possíveis problemas diretamente no repositório oficial do editor.

O tema Twenty Nineteen

Uma atração especial deste lançamento é o novo tema minimalista Twenty Nineteen (este mesmo tema que estou utilizando como teste aqui).

O Twenty Nineteen foi criado como foco em usabilidade e acessibilidade, tornando a experiência de leitura um tanto quanto excelente.

O tema em si não traz tantas possibilidades de customização, mas sua simplicidade o torna elegante e eficaz.

Se quiser saber todos os detalhes dele, confira este artigo em Inglês no blog da comunidade.

O mercado do WordPress

Há muito o que se observar para entender as tomadas de decisão na criação de um novo editor para o CMS e seus efeitos.

Mesmo que 30% dos sites rodem WordPress atualmente, o crescimento dos concorrentes do CMS tem sido acelerado (Wix, Ghost e Squarespace por exemplo).

A Automattic (empresa por trás do sistema de código aberto) sabendo que o modelo de publicação de conteúdo do WordPress não era o ideal, resolveu se mexer.

Para mim fica muito claro que essa foi uma decisão acertada visando o longo prazo para que a empresa e a sustentação ao sistema se mantenha estável como tem sido.

Mas como era de se esperar, as empresas que vivem no ecossistema estão correndo para garantir que seus temas e plugins também sejam compatíveis.

A verdade é que passaremos agora por um período de ajustes até que todo o ecossistema de estabilize novamente.

Isso é devido ao fato do Gutenberg usar novas tecnologias (como o React, por exemplo), gerando uma curva de aprendizado na produção de novas ferramentas para o editor.

O futuro

Gostaria de concluir esse artigo compartilhando um pouco do que penso sobre o futuro da criação de sites com o CMS WordPress.

Como dito, existe uma empresa bilionária por trás do CMS e isso por si só é um suporte de peso.

O fato da adoção ao CMS também estar ainda em crescimento nos mostra que essa jornada esta apenas no começo.

Sempre gostei de correlacionar o WordPress como se fosse o Chrome do mundo dos navegadores.

Mesmo que haja problemas conhecidos, ele é a ferramenta mais robusta e madura para resolver o problema da criação de sites.

Saber que a Automattic também esta de olho no futuro faz que com nós profissionais e usuários fiquemos muito mais tranquilos.

Ainda há muitas oportunidades no mercado em torno da ferramenta, seja na prestação de serviços, criação de produtos ou até mesmo na educação do uso do WordPress.

Então se você ainda não deu bola para saber um pouco mais sobre o WordPress, fique tranquilo, estamos apenas começando!

Se você gostou desse artigo, deixe um comentário abaixo para eu saber se estou no caminho certo. Se conhecer alguém que pode ser ajudado, não esqueça de enviar pelo WhatsApp ou em suas redes sociais.

Um abs!

Publicado por Felipe Pavão

Empresário brasileiro dedicado a ajudar pessoas e empresas a vender mais pela Internet. Faço isso hospedando sites WordPress na melhor hospedagem WordPress do Brasil, a Xdevs. Também sou um vascaíno, futuro mestre-cervejeiro, marido da Rê e baixista de uma banda cover de Pearl Jam nas horas vagas.

Participe da discussão

4 comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fale comigo no WhatsApp
Enviar via WhatsApp